Vought F4U Corsair (Estados Unidos, 1944)

Vought F4U Corsair (Estados Unidos, 1944)

O caça naval Vought F4U Corsair, com motor radial, foi um dos mais proeminentes aviões norte-americanos durante a Segunda Guerra Mundial.

História

Palavras-chave

Corsair, marinha, motor radial, caça, força aérea, avião, arma de cerco, második világháború, porta-avião, luta aérea, EUA, América, aviação, hélice, batalha, tecnologia militar, história, Guerra Mundial, modern age, veículo aéreo, guerra

Itens relacionados

Cenas

Vought F4U Corsair

Vista de cima

Cabine do piloto

  • indicador
  • bússola
  • indicador de manobra
  • ignição
  • relógio do avião
  • indicador de combustível
  • controlador

Estrutura

  • capô do motor
  • tubo de escapamento
  • pneu
  • arco de roda
  • roda de cauda retrátil
  • hélice
  • trem de pouso retrátil
  • tubo de Pitot estático - Um sensor de pressão para medir a velocidade do avião.
  • asas dobráveis
  • insígnia
  • fuselagem
  • estabilizador horizontal
  • canópia ('gaiola')
  • antena de rádio
  • estabilizador vertical
  • metralhadora

Motor radial

  • eixo da hélice
  • hélice
  • círculo da hélice
  • cilindro
  • tubo de escapamento

Voo em formação

Animação

Narração

O avião de caça, ao qual se deu o nome de "Pássaro de Asas Dobradas", foi desenvolvido para o exército dos Estados Unidos durante a Segunda Guerra Mundial. Foram produzidas diversas variantes. Os pilotos chamavam à versão do F4U-1 apresentado na animação a "gaiola", devido à forma singular da canópia do avião.

O caça naval estava equipado com um motor radial com uma potência de 2000 cv, que era capaz de propulsionar o avião a uma velocidade máxima de 670 km/h. O Corsair era o avião de porta-aviões mais rápido da Segunda Guerra Mundial.

Devido às suas dimensões e potência do motor, estava equipado com uma hélice muito grande. As suas características asas dobradas tinham a forma da letra W quando visto pela frente.

O Corsair F4U era equipado com 6 metralhadoras e foi também utilizado como um bombardeiro de ataque. No total, foram construídas 12 571 unidades até 1953, ano em que a sua produção foi suspensa. Este caça desempenhou um importante papel na Guerra da Coreia; a sua última missão de combate ocorreu em 1969 durante a "Guerra do Futebol" entre as Honduras e El Salvador.

Itens relacionados

Messerschmitt Bf 109 G (Alemanha, 1941)

Este avião de caça foi usado pela Força Aérea alemã durante a 2ª Guerra Mundial.

Mitsubishi A6M Zero (Japão, 1940)

O Mitsubishi japonês A6M, genericamente chamado de ´Zero´ pelos Aliados, foi um lendário avião da Segunda Guerra Mundial.

Motor radial

O motor radial é utilizado sobretudo em aviões e helicópteros.

Supermarine Spitfire (Grã-Bretanha, 1938)

O "cuspidor de fogo" foi um avião de caça monolugar britânico usado na 2ª Guerra Mundial.

B-17 Fortaleza Voadora (EUA, 1938)

A "Fortaleza Voadora" foi desenvolvida pela Boeing para a Força Aérea do Exército dos Estados Unidos.

Soldado americano (2ª Guerra Mundial)

Os soldados americanos lutaram em quase todos os grandes palcos da 2ª Guerra Mundial.

B-24 Liberator

O B-24 Liberator foi um bombardeiro norteamericano, construído em grande número, que foi utilizado em todas as frentes na Segunda Guerra Mundial.

Bomba atômica (1945)

A bomba atômica é uma das armas com maior poder de destruição da história da humanidade.

Chengdu J-20 Mighty Dragon (China, 2017)

O Chengdu J-20, também conhecido como Mighty Dragon, é um avião de caça furtivo de múltiplas funções.

USS Tarawa LHA-1 (1976)

A partir da década de 1940, os cada vez maiores porta-aviões se tornaram os senhores dos oceanos.

Ataque a Pearl Harbor (1941)

O ataque japonês marcou a entrada dos EUA na 2ª Guerra Mundial.

Batalha de Midway (1942)

Uma das principais batalhas no Oceano Pacífico e o ponto de virada na 2ª Guerra Mundial.

F-16 Fighting Falcon (EUA, 1978)

O Fighting Falcon é o avião de maior sucesso na categoria de caças polivalentes.

Added to your cart.