Banho turco (século XVI)

Banho turco (século XVI)

Uma das influências positivas da Ocupação Otomana na Europa foi a construção de banhos.

História

Palavras-chave

banho turco, banho, fürdőkultúra, közfürdő, turco, islâmico, Alcorão, religião, Idade Média, öltöző, bacia

Itens relacionados

Cenas

A pirâmide

  • entrada
  • vestíbulo (sala fria)
  • salão central (sala quente)
  • Hararet (sala quente)
  • janelas em cúpula

Estrutura

  • vestíbulo (sala fria)
  • salão central (sala quente)
  • Hararet (sala quente)
  • vestiário

Vestíbulo

Hararet

Passeio

Animação

Salão central

Narração

A cultura islâmica sempre deu grande importância ao banho. A higiene pessoal e o ritual de limpeza do corpo são regulados pelas regras do Islam. De acordo com o Corão, a água é a fonte de vida.

Os banhos públicos são chamados de hammam (ou banho turco) tanto em turco com em árabe. Os hammans foram construídos a partir a Idade Média, mas tornaram-se mais populares na Idade Moderna. Embora a estrutura exterior do hammam também seja interessante, com cúpulas de vários tamanhos nos seus tetos, é a sua estrutura interior que é verdadeiramente impressionante.

A estrutura dos banhos turcos segue a disposição clássica semelhante aos banhos romanos e bizantinos: a disposição é organizada por temperaturas das salas. O ar nos hammans é aquecido por um sistema de aquecimento construído por baixo do chão de mármore das salas.

A entrada conduz o visitante ao vestíbulo, ou sala fria, que também serve como vestiário.

A sala seguinte é uma sala aquecida intermédia, servindo como uma local para descanso e limpeza pessoal.

O hararet, ou seja, a sala quente pode ser adentrada a partir daqui. No centro da sala quente, existe normalmente uma grande peça em mármore, chamada "Navel stone", usada para massagens aos clientes. Quando o corpo fica demasiado quente, os clientes podem se salpicar com água fria a partir de pequenos furos localizados à volta nas paredes.

Itens relacionados

Arquitetura otomana na Hungria (século XVII)

Os vestígios de arquitetura otomana na Hungria incluem a Mesquita de Gazi Kasim Paxá em Pécs e o Minarete de Eger.

Sultão otomano (século XVI)

O Sultão era o líder do Império Otomano, senhor da vida e da morte.

Termas de Caracala (Roma, século III)

O magnífico complexo das termas do imperador romano foi construído no século III A. D.

Casa romana (domus)

Na Roma Antiga, a residência urbana das famílias abastadas era a domus, uma casa espaçosa, com várias divisões e plantas variadas.

Soldados otomanos (século XVI)

O exército otomano incluia janízaros (soldados pagos) e sipahis (cavaleiros vassalos).

Veneza na Idade Média

Veneza na Idade Média devia a sua riqueza ao seu comércio marítimo florescente.

Mesquita Jameh (Isfahan, século XV)

As suas soluções e ornamentos arquitetônicos fazem desta mesquita uma das obras-primas da arte islâmica.

Added to your cart.